AcademiaGlobal.com avança para o Brasil

Ruben Eiras com Etelberto Costa

A AcademiaGlobal.com, a empresa de "e-learning" (formação via electrónica) criada conjuntamente pela PT e pela Tracy International, vai-se internacionalizar em breve para o mercado brasileiro.

Quem o garante é Etelberto Costa, o responsável máximo para o ataque ao maior mercado de formação em língua portuguesa. «Inicialmente iremos desenvolver a nossa actividade por encontrar parceiros para o conceito de 'corporate university', isto é, de universidade empresarial. Assim, a nossa prioridade será para a abordagem a empresas, e só a partir de Junho é que se irá desenvolver a Academia para os utilizadores finais, em formato de 'business-to-consumer'», revela aquele responsável.

Os parceiros já confirmados são e editora McGraw-Hill e o gigante informático Compaq. Neste momento, a AcademiaGlobal.com também está a encetar contactos com a Microsoft e a SmartForce, uma das maiores empresas de "e-learning" a nível mundial. Etelberto Costa menciona também que decorrem contactos institucionais com o Governo Brasileiro, através do Ministério da Educação, da Secretaria Especial de Informática, do Presidente da Câmara de Ciência e Tecnologia e com as universidades e empresas próximas da estratégia da AcademiaGlobal.com.

No primeiro ano, aquela empresa espera alcançar um volume de facturação é de 300.000 contos no mercado brasileiro. «Embora este seja um valor reduzido, queremos alcançar a liderança do mercado. Mas tal será concretizado através de uma faseada e por etapas», refere aquele responsável. O retorno do investimento deverá ser atingido em 2002.

Segundo Etelberto Costa, o mercado brasileiro é a primeira etapa de internacionalização da AcademiaGlobal.com no mercado lusófono. Aquele mesmo responsável avança que já possuem clientes espalhados pelo mundo inteiro, em especial das comunidades de emigrantes e dos Países africanos de língua portuguesa.

Página Anterior
Canal Temático
Topo da Página
Página Principal