Carta(s) Branca(s)


Uma "ponte" para o Euro

A cinza e a água não ardem porque são de si próprios já produtos de combustão; e é por uma razão semelhante que um governo que está de saída não pode ser derrubado.

Vem isto a propósito do novo valor das portagens da Ponte 25 de Abril: é que, em tempos que já lá vão, os aumentos podiam fazer cair governos, pelo que temos de reconhecer que ninguém será mais indicado para tratar do assunto do que um governo demissionário.

E, se possível, aproveitando um dia feriado e o pretexto da «nova moeda».

Tenho uma vaga ideia de que, recentemente - e muito bem - o Governo advertiu o povo acerca do perigo de aumentos de preços que alguns oportunistas seriam tentados a praticar a propósito de arredondamentos na conversão de Escudos em Euros.

Mas deve ter sido não mais do que uma infeliz associação de ideias, pois, passar de 150 para mais de 200 escudos não lembra bem o termo «arredondamento». Lembra mais a interjeição «arre!».


Publicado no "EXPRESSO" - "Carta Aberta", em 26 Jan. 2002

Página Anterior
Topo da Página
Página Principal
Página Seguinte