Cartas para a Imprensa


Anti-americanismo

Estamos a atravessar um período em que qualquer pessoa que queira analisar lucidamente o que se passa no Médio Oriente pode ser acusado de "anti-americanismo- primário".

Essa, sim, é uma acusação particularmente "primária". Mas o certo é que é eficiente, pois faz com que qualquer analista que não alinhe à partida com o "Eixo-do-Bem" perca imenso tempo a declarar, logo no início, que veste jeans, come no Mac Donalds e bebe Coca-Cola.

Depois, se conseguiu convencer o estimável-público de que não sofre desse tal "anti-americanismo primário", pode então começar a dizer o que tem para dizer.


Publicado no «Correio da Manhã», de Moçambique, em 31 de Mar 2003

Página Anterior
Topo da Página
Página Principal
Página Seguinte