Cartas para a Imprensa


O conteúdo e a forma

No que respeita às gravíssimas denúncias feitas publicamente por Carolina Salgado, só há duas consequências aceitáveis: ou são verdadeiras - e têm de ser investigadas a sério; ou são falsas - e a senhora terá de responder por calúnia.

O que não é admissível é que algumas pessoas responsáveis encolham os ombros e comentem que se trata apenas de «literatura de cordel», de «lixo editorial», de «literatura light», de «ajuste de contas amoroso», etc. - uma atitude de desvalorização que parece ter muito pouco de ingenuidade pois, no limite, se aceitássemos que o importante é a «forma» e não o «conteúdo», poderíamos deparar-nos com denúncias de homicídio que não seriam tidas em conta se contivessem erros de ortografia.


Publicado no "Destak" em 19 Dezembro 2006 e no "Público" de 26 Dezembro 2006

Página Anterior
Topo da Página
Página Principal
Página Seguinte