Cartas para a Imprensa


Intenções da treta

Parece que uma das promessas de Carmona Rodrigues era levar alguns parques de estacionamento a ceder, por um preço baixo (e desde o fim da tarde até à manhã do dia seguinte), lugares aos moradores da zona.

O pior é que isso, que parece ser uma boa ideia, choca com uma realidade que todos os lisboetas conhecem bem: muito ou pouco, só paga estacionamento na capital quem for tonto, distraído, ou estiver de passagem...

Ora atente-se nesta saborosa fotografia:

À esquerda, a entrada para o Parque Roma, que tem 636 lugares dos quais a grande maioria está sempre às moscas; à direita, meia-dúzia de muito disputados "lugares de estacionamento" - aos quais, por vezes, se junta um outro, na passadeira de peões...

Quem conhece o local, sabe que a fotografia foi tirada precisamente à porta da Assembleia Municipal. Só talvez ignore que, nessa altura, decorria a reunião seguinte àquela em que foi apresentada tão sábia sugestão...


Publicado no "Público-Local" e no jornal "metro" de 4 Maio 2006

Página Anterior
Topo da Página
Página Principal
Página Seguinte